quinta-feira, agosto 26, 2004

Desejo

Desejo?!
Nada de desejos por hoje
Nada de vontades estúpidas carnais.

Poderia querer um beijo
Envolvê-lo com minhas pernas
Segurar sua cabeça contra meus seios...

Mas não, nada de desejos.

Sonhos frustrados. Almas roubadas.
Promessas traídas.
Falta de amor...
Proprio?! Carnal?! Materno?!

(...)

-Será q ele vem?